Ataques do Hezbollah deixam pelo menos nove mortos

Dez pessoas morreram e outras nove ficaram feridas, quatro delas em estado grave, em um ataque da milícia xiita libanesa Hezbollah contra uma localidade do norte de Israel. A rede de notícias CNN, contudo, confirma a morte de nove pessoas.O Canal 10 da televisão israelense informou que o ataque ocorreu na localidade de Kfar Giladi e que ambulâncias da Estrela de Davi Vermelha (equivalente à Cruz Vermelha) foram enviadas ao local do incidente, após várias séries de foguetes.Outro dos pontos atacado pelo Hezbollah foi a localidade de Kiryat Shmona, onde pelo menos doze pessoas ficaram feridas gravemente, segundo fontes médicas.Outros foguetes também caíram em Akko, Ma´alot, Safed e outras comunidades situadas nas Colinas de Golã.Testemunhas descreveram as últimas séries de foguetes no norte de Israel como "enormes" e afirmaram que os ataques duraram mais de 15 minutos.O comandante da Polícia israelense Asaf Zohar assegurou ao canal de televisão que a situação dos quatro feridos em Kfar Giladi era de extrema gravidade e que foram levados para o hospital Rambam da cidade litorânea de Haifa.Resistência ao exército israelenseA Resistência Islâmica, braço armado do Hezbollah, assegurou hoje que repeliu duas tentativas de incursão do Exército israelense através da passagem de Bayada, na fronteira com o Líbano, e causou várias vítimas.Além disso, o grupo anunciou que tinha destruído um tanque Merkeva na localidade vizinha de Taibe, onde há vários dias ocorrem duros confrontos entre as tropas israelenses e os milicianos de Hezbollah.A Resistência detalha que o carro de combate atacado em Taibe foi incendiado, que seus ocupantes não puderam sair dele e que o Exército israelense tentou recuperá-lo e levá-lo a seu território sem sucesso."Em resposta à agressão dos sionistas, nossos guerreiros dispararam foguetes contra 12 assentamentos no norte de Israel", explicou a Resistência em comunicado divulgado pela televisão "Al-Manar".A cadeia, que citou veículos israelenses, disse que o novo ataque com foguetes Katyusha deixou dez mortos no norte de Israel.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.