Ataques do Taleban deixam 17 mortos no Afeganistão

Segundo a ONU, 1.319 civis morreram durante a guerra afegã no 1º semestre, alta de 23% ante 2012

Agência Estado

17 Agosto 2013 | 10h29

Pelo menos 17 civis foram mortos em múltiplos ataques do Taleban no Afeganistão, informaram autoridades locais neste sábado, 17. Em um dos casos, um acampamento de operários que trabalham na construção de uma estrada foi atacado por insurgentes durante a madrugada. O ataque, que ocorreu no distrito de Karukh, na província de Herat, deixou nove trabalhadores mortos.

Na província de Helmand, no sul do país, a explosão de uma bomba matou nesta sábado cinco pessoas, incluindo mulheres e crianças, e feriu outras três. Na sexta-feira, 16, também em Helmand, um dispositivo semelhante a uma bomba matou três mulheres no distrito de Musa Qala.

Segundo relatório recente da ONU, 1.319 civis morreram durante a guerra afegã no primeiro semestre, um aumento de 23% em relação a igual período de 2012, devido a ataques lançados pelo Taleban e combates entre insurgentes e forças do governo. Também entre janeiro e junho, 2.533 civis ficaram feridos. No ano passado, o número de civis mortos pela violência no Afeganistão havia diminuído. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
AfeganistãoTalebanmortos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.