Ataques em Bagdá e no centro do Iraque deixam 4 mortos

Três policiais e um clérigo xiita morreram e outras sete pessoas ficaram feridas em diferentes ataques contra as forças de segurança e funcionários do governo em Bagdá, informaram hoje autoridades.O coronel da polícia Najeeb al-Joubouri foi metralhado numa estrada nas redondezas de Beiji, 250 quilômetros ao norte de Bagdá. O oficial se dirigia a seu trabalho quando foi atacado, disse o tenente-coronel Saad Hemood.Um grupo armado emboscou uma patrulha policial, ontem à noite, no subúrbio de Azamiya, e matou dois agentes, inclusive um capitão da polícia. Outros dois policiais ficaram feridos, disse o tenente Mohamed al-Obeidi.Também hoje, os rebeldes dispararam contra um ônibus que transportava empregados do Ministério da Educação no distrito bagdali de Gazaliya, ferindo cinco pessoas. As vítimas foram levadas ao Hospital de Yarmuk, disse o médico Saba Abud.O clérigo xiita Salim al-Yaqoubi foi assassinado por pistoleiros próximo de sua casa em Shula, um bairro ao norte de Bagdá, disse um porta-voz policial.Em Bassora, a segunda cidade mais importante do Iraque, insurgentes detonaram uma bomba junto a um veículo policial, ferindo um policial, afirmou o coronel Karim al-Zeidi.Em Samarra, cidade no centro do país, uma pessoa morreu e outra ficou ferida quando seu veículo foi atingido por um projétil de morteiro, disse o porta-voz militar americano, sargento Robert Powell. O ataque ocorreu ontem à noite.Dois soldados ficaram levemente feridos quando um automóvel carregado de explosivos explodiu próximo de sua patrulha em Beiji, afirmou Powell. Outros dois soldados ficaram feridos em uma explosão próxima a Kirkuk, no norte do Iraque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.