Ataques na Síria deixam ao menos 10 mortos

Dois carros-bomba foram detonados por rebeldes em áreas centrais da Síria sob controle do governo neste sábado, causando a morte de pelo menos dez pessoas, informaram autoridades sírias e ativistas.

Agência Estado

19 de abril de 2014 | 09h13

Segundo o Observatório Sírio para os Direitos Humanos, com sede em Londres, uma das explosões matou pelo menos quatro pessoas na cidade de Homs, numa área dominada por Alauitas, grupo étnico-religioso ao qual pertence o presidente sírio, Bashar Assad.

Antes disso, outro atentado com carro-bomba foi lançado contra um posto militar próximo à cidade de Salamiya, também controlada pelo governo, matando pelo menos seis soldados e atingindo um número indeterminado de civis, de acordo com relatos de ativistas. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Síriaviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.