Atentado a bomba deixa sete mortos no Paquistão

A explosão de uma bomba atingiu uma viatura policial no noroeste do Paquistão, provocando a morte de sete pessoas, seis delas integrantes das forças de segurança. Mais tarde, uma segunda bomba também foi detonada, mas sem causar vítimas. O atentado ocorreu quando o carro patrulhava uma região da cidade de Dera Ismail Khan, fronteira com o Afeganistão. O chefe da polícia de Dera Ismail Khan, Der Ali Khattak, disse que "se tratava de um artefato controlado à distância e colocado sobre a rua". Quatro pessoas - duas mulheres e dois homens que passavam pelo local da primeira explosão - foram atendidas em uma hospital local com lesões e queimaduras. Nenhum grupo assumiu a autoria dos atentados, mas as autoridades acreditam que eles tenham sido perpetrados pro milicianos islâmicos de uma região tribal vizinha.

Agencia Estado,

19 Março 2006 | 19h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.