Atentado a bomba em estação de trem mata 7 no oeste do Paquistão

Explosivo foi ativado por controle remoto; cinco dos feridos se encontram em situação crítica.

Efe,

28 de junho de 2012 | 05h19

ISALAMABAD - Pelo menos sete pessoas morreram e 30 ficaram feridas após a explosão de uma bomba na estação de trem da cidade de Sibi, no oeste do Paquistão, nesta quinta-feira, 28.

 

O atentado ocorreu pouco antes da meia-noite, e a bomba, colocada junto a um ponto de venda de comida, explodiu minutos depois da chegada de um trem procedente de Rawalpindi, no norte do país, disse um porta-voz da Polícia de Sibi, Abdul Majid.

 

Essa fonte reconheceu que ainda não se têm detalhes sobre o objetivo ou as motivações do ataque, que definiu como "simples terrorismo".

 

Um membro da Polícia provincial do Baluchistão, Ahmed Xá, detalhou que o atentado foi produzido com uma bomba ativada por controle remoto e que cinco dos feridos se encontram em situação crítica.

 

Testemunhas citadas pelo diário local "Express Tribune" elevaram a oito o número de passageiros mortos na explosão.

 

O Baluchistão é uma das províncias paquistanesas mais afetadas pela violência insurgente, seja a ligada aos grupos islamitas ou às organizações independentistas locais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.