Atentado a bomba mata 14 soldados

Uma bomba atingiu ontem um comboio militar no Paquistão deixando 14 soldados paquistaneses mortos e 20 feridos na região do Waziristão do Norte, no noroeste do país. A explosão ocorreu em uma estrada a 50 quilômetros ao sul da capital da Província de Miranshah. Foi um dos ataques mais sangrentos contra o Exército paquistanês, segundo autoridades locais. O Waziristão do Norte, na fronteira entre Paquistão e Afeganistão, é palco de conflitos entre Exército e militantes da Al-Qaeda e do Taleban.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.