Atentado com carro-bomba mata pelo menos 10 pessoas no Iraque

Pelo menos 10 pessoas morreram nesta segunda-feira e outras 20 ficaram feridas na explosão de um carro-bomba em um mercado popular na localidade de Al-Sawira, ao sudeste de Bagdá, informaram fontes policiais. Além dos mortos desta segunda, mais oito corpos foram encontrados com marcas de tiros ao redor da capital iraquiana.As fontes explicaram que o veículo explodiu depois das 9h (3h em Brasília) nas cercanias de uma casa de câmbio localizada em um mercado de frutas e verduras.Al-Sawira está situada na província Wasit, a 50 quilômetros da capital.Neste domingo, um grupo de homens armados matou a tiros dez membros de uma família, sete deles mulheres, na mesma aldeia de Al-Sawira.O ataque aconteceu após a meia-noite, em uma zona da localidade conhecida como ao Siaquia.Aparentemente, os pistoleiros cercaram a casa com a intenção de seqüestrar dois jovens que estavam lá dentro e, depois que as mulheres tentaram impedir que os dois fossem levados, o grupo decidiu matar todos os que estavam na habitação. RebeldesForças militares iraquianas, apoiadas pelo Exército americano, mataram 35 homens armados e encontraram sete esconderijos de armas durante uma "operação de segurança" na província de al-Anbar, informou nesta segunda-feira um comunicado oficial.Segundo a nota das forças multinacionais no Iraque, a operação aconteceu entre os dias 7 e 13 de outubro.Na mesma operação foram achadas 11.300 peças de munição e diversos materiais para a construção de artefatos explosivos, assim como mais de 6.500 armas leves de diversos tipos.Os artefatos explosivos, assim como o material para sua construção, correspondem com as bombas utilizadas comumente pela insurgência no oeste do Iraque contra as forças iraquianas e americanos, segundo a nota.A província ocidental de al-Anbar, de maioria sunita, é considerada um dos mais importantes redutos da resistência iraquiana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.