Atentado contra missão da ONU mata quatro

Pelo menos quatro pessoas morreram e outras 12 ficaram feridas ontem em um ataque suicida com um carro-bomba em Mogadíscio contra um comboio da Missão da União Africana na Somália (Amisom). "Vi quatro corpos, mas há outros queimados, por isso o número de vítimas pode ser maior", relatou Hassan Ali, um pedestre que estava próximo da área da explosão. "O comboio que passava pela estrada do aeroporto era o alvo, mas a maioria dos atingidos é de civis inocentes", disse Ali.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.