Atentado danifica busto de Ferdinando Marcos

Uma forte bomba destruiu, no domingo, parte de um busto gigante esculpido em homenagem ao falecido ditador das Filipinas, Ferdinando Marcos, instalado na em Tuba, província de Benguet, a 210 quilômetros ao norte de Manila. Ninguém ficou ferido na explosão ocorrida pouco depois de meia-noite e que pôde ser ouvida no raio de três quilômetros, disse o chefe de polícia, Rubén Gómez. Ainda não há pistas sobre os autores do atentado que arrancou os olhos, nariz, orelhas e parte da cabeça da estátua, erguida em 1981. O governo de Marcos durou 20 anos, até 1986, quando ele foi deposto por uma revolta apoiada pelo Exército. Ferdinando Marcos se exilou no Havaí, onde morreu em 1989. Sua filha, Imee Marcos, disse que seu pai não participou da criação da escultura e que, inclusive, ?a detestava?.

Agencia Estado,

30 Dezembro 2002 | 10h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.