Atentado deixa um morto e cinco feridos no sul da Colômbia

Supostos guerrilheiros realizaram hoje um ataque com explosivos contra um quartel de polícia na cidade de Villavicencio, no departamento (Estado) de Meta, sul da Colômbia, matando uma pessoa e ferindo outras cinco. O comandante encarregado da polícia de Meta, coronel Julio César García, atribuiu o atentado às Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). Testemunhas informaram que duas pessoas em uma moto lançaram um pacote contra o quartel de polícia.A explosão aconteceu no bairro La Esperanza, na zona leste de Villavicencio, cidade localizada a 80 quilômetros ao sul da capital, Bogotá. Segundo García, ainda não se sabe se ataque foi perpetrado com cilindros de gás repletos de explosivo - dispositivos muito utilizados pelas Farc - ou com uma carga explosiva de outro tipo. O morto era um civil que trabalhava como fotógrafo para a Seção de Polícia Judicial e Investigações, localizada dentro do quartel. Entre os feridos, um ficou em estado grave.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.