Atentado em Bagdá foi o primeiro ataque frontal à ONU

O Conselho de Segurança das Nações Unidas qualificou de ?ataque terrorista? a explosão do carro-bomba em Bagdá que, segundo autoridades da ONU, constituiu o primeiro ataque frontal à organização ao longo de toda sua história.?Membros do Conselho ficaram chocados ao tomarem conhecimento do criminoso ataque terrorista nas instalações das Nações Unidas em Bagdá?, disse o embaixador assistente sírio na ONU, Fayssal Mekdad, falando em nome do Conselho. Um porta-voz da ONU, Fred Eckhard, disse em Nova York que nenhuma ameaça havia sido recebida pela sede iraquiana das Nações Unidas e que nenhum grupo havia se responsabilizado pelo ataque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.