Atentado fere quatro israelenses perto de Jerusalém

Quatro israelenses foram feridos a tiros num ataque promovido pela Brigada dos Mártires de Al-Aqsa nas proximidades de Jerusalém. Os militantes palestinos abriram fogo contra veículos que trefagevam entre Jerusalém e Belém. O Exército israelense informou que os feridos são uma mãe e três filhos. A mulher e uma sua filha de nove anos estão em condições graves. Os ferimentos das outras crianças são leves, segundo os médicos. Em telefonema à agência de notícias Associated Press, a Brigada dos Mártires de Al-Aqsa assumiu a autoria do atentado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.