Atentado mata 35 crianças e sete adultos no Iraque

Bombas explodiram perto de um comboio americano no oeste de Bagdá, matando 35 crianças e sete adultos, segundo informações de um hospital. Horas antes, um carro-bomba havia matado um soldado dos EUA e dois iraquianos.As explosões no bairro de al-Amel causaram a maior matança de crianças desde o início da guerra, 17 meses atrás. Não está claro se as bombas, que deixaram ainda 141 feridos, incluindo dez soldados, tinham como alvo o comboio ou a cerimônia de inauguração de um novo sistema de esgoto, que ocorria ao mesmo tempo no local. No dia de hoje há um total de 46 mortos e 208 feridos pela violência no Iraque, incluindo as vítimas de um ataque americano a Faluja e de um atentado em Tal Afar.Em al-Amel, um helicóptero americano ajudou a remover os feridos do local. Forças dos EUA fecharam a área. O porta-voz do Ministério do Interior, Adnan Abdul-Rahman, disse que dois carros-bomba e uma bomba de beira de estrada foram detonados em rápida sucessão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.