Atentado mata ao menos 20 pessoas em Herat, no Afeganistão

Explosão aconteceu na porta da mesquita de Jawadya, provavelmente por um carro-bomba, anunciou o ministério do Interior

O Estado de S.Paulo

01 Agosto 2017 | 14h41

CABUL - Uma explosão ocorrida em uma mesquita de Herat, a principal cidade do oeste do Afeganistão, deixou ao menos 20 mortos.

A explosão ocorreu na porta da mesquita de Jawadya na cidade de Herat, provavelmente por um carro-bomba, anunciou o ministério do Interior.

"Mais de 20 corpos e mais de 30 feridos foram resgatados", informou um porta-voz dos serviços sanitários da cidade.

Segundo o porta-voz da polícia local, as primeiras informações apontam para a participação de dois terroristas, um deles usando um colete com explosivos, que se fez explodir, enquanto que o utro estava armado com um fuzil. Os dois agressores morreram no atentado.

O ataque acontece um dia depois de outro realizado na embaixada iraquiana em Cabul, reivindicado pelo grupo Estado Islâmico (EI), que deixou dois mortos.

Os extremistas do EI há um ano atcam grupos e mesquitas da minoria xiita no Afeganistão./ AFP

/ AFP

Mais conteúdo sobre:
Cabul [Afeganistão] Afeganistão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.