Atentado mata chefe policial no Iraque

Quatro guarda-costas ficam feridos no incidente

Efe

10 de janeiro de 2011 | 08h28

BAGDÁ - O comissário de Polícia da cidade de Hit, na província iraquiana de al-Anbar, morreu nesta segunda-feira, 10, por causa da explosão de uma bomba, informaram fontes policiais. Quatro de suas guarda-costas ficaram feridos no atentado.

 

As fontes explicaram que a bomba explodiu durante a passagem do comboio do general Mohammed Faiçal al-Kaud em uma rua do bairro de al-Kornich, no centro da cidade, e matou o policial no local.

 

Os guarda-costas feridos foram levados para o hospital, acrescentam as fontes, que indicaram que dois veículos da patrulha sofreram grandes danos. Após o atentado, a polícia impôs o toque de recolher em toda a cidade.

Tudo o que sabemos sobre:
Iraqueatentadoviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.