Atentado suicida em bairro cristão deixa 41 mortos e mais de 40 feridos

Pelo menos 41 pessoas morreram e mais de 40 ficaram feridas em um atentado suicida em um bairro de maioria cristã no Estado de Kano, no norte da Nigéria, informaram as autoridades ontem. O ataque foi o mais mortífero nos últimos nove meses e foi atribuído ao grupo extremista islâmico Boko Haram. O atentado, no maior centro comercial da Nigéria, elevou as tensões na dividida nação do oeste da África.

O Estado de S.Paulo

20 de março de 2013 | 02h07

Segundo a polícia, dois homens conduziram um veículo cheio de explosivos até um ponto de ônibus repleto de passageiros que esperavam para viajar para a cidade de Lagos e o detonaram. No ano passado, ataques do Boko Haram em Kano deixaram mais de 150 mortos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.