Atentado suicida mata 16 pessoas e fere 47 no Afeganistão

Pelo menos 16 pessoas morreram e 47 ficaram feridas em um ataque suicida ocorrido nesta segunda-feira em um mercado do centro de Lashkar Gah, capital da província de Helmand, no sul do Afeganistão, disse o porta-voz do Governo provincial, Haji Mohiuddin Khan.Cerca de 20 crianças e várias mulheres estão incluídas entre os feridos.Segundo Khan, "um suicida detonou os explosivos que levava em seu corpo em um mercado do centro de Lashkar Gah, o que causou a morte de 16 pessoas e feriu outras 47".Khan condenou o atentado e responsabilizou os "inimigos do Afeganistão", termo comumente utilizado pelas autoridades para referir-se aos rebeldes do Taleban.No último sábado, dez talebans morreram em enfrentamentos com a Polícia afegã no distrito de Moussa Qala, também em Helmand, onde os insurgentes atacaram um edifício governamental que foi defendido pelas forças policiais.No dia seguinte, um soldado britânico da Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf), que opera sob comando da Organização do Tratado Atlântico Norte (Otan), morreu em um ataque de supostos insurgentes, o que elevou para oito o número de militares do Reino Unido falecidos este mês no país.Segundo o Ministério de Defesa britânico, o soldado "foi baleado e morreu" em um choque com "insurgentes inimigos no norte de Helmand".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.