Atentado suicida mata cinco no noroeste do Paquistão

Um suicida em um carro-bomba atacou hoje uma delegacia, matando 5 pessoas e ferindo 25, na instável cidade de Doaba, noroeste do Paquistão. Um oficial de polícia e quatro civis morreram no ataque, na província de Khyber-Pakhtunkhwa, 30 quilômetros distante do distrito de Hangu, informou o policial local Abdul Rashid à France Presse. Segundo ele, o autor do ataque se explodiu perto da delegacia.

AE, Agência Estado

24 de março de 2011 | 10h47

A bomba tinha como alvo o prédio da delegacia, mas não conseguiu atingi-lo totalmente por causa de barricadas na parte de fora do edifício, explicou Rashid. Apesar disso, parte da delegacia foi demolida. O impacto também danificou pelo menos dez casas próximas. "Ninguém até agora reivindicou a responsabilidade pelo incidente", disse Rashid. Outro oficial de polícia local, Muhammad Masood Khan Afridi, confirmou o ataque e as mortes. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Paquistãoatentadodelegacia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.