Atentado suicida mata dez agentes de segurança no Paquistão

A bordo de um veículo, o suicida detonou a carga explosiva que levava em um posto de controle policial

Efe,

27 de outubro de 2008 | 04h01

Pelo menos dez agentes de segurança morreram e outros cinco ficaram feridos em um ataque suicida ocorrido no domingo à noite no distrito tribal de Mohmand (noroeste do Paquistão), segundo fontes oficiais ouvidas pelo canal de televisão Geo TV. A bordo de um veículo, o suicida detonou a carga explosiva que levava em um posto de controle policial, segundo a fonte. O primeiro-ministro paquistanês, Yousef Razá Guilani, já condenou o atentado. O distrito de Mohmand faz limite com o de Bajaur, onde o Exército se encontra enredado em violentos combates contra os insurgentes talebans, que deixaram mais de 1.600 mortos desde o início de agosto.

Tudo o que sabemos sobre:
Paquistãoatentado suicidaataque

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.