Atentado suicida mata pelo menos duas pessoas em Bagdá

Pelo menos duas pessoas morreram e 10 ficaram feridas neste sábado num atentado suicida contra uma patrulha policial, num cruzamento de estradas no distrito de Yuna, no leste de Bagdá.O capitão de Polícia Ahmad Abdala disse à Efe que por volta das 10h30 (3h30 de Brasília) um suicida, dirigindo um carro-bomba, explodiu a sua carga junto a uma patrulha iraquiana.A fonte acrescentou que entre os 10 feridos estão seis agentes de Polícia iraquianos.Além disso, a explosão causou danos graves a dois carros da Polícia e quatro de civis, acrescentou a fonte.Já são cinco as pessoas mortas neste sábado em diferentes incidentes na zona Leste de Bagdá. Segundo fontes policiais, desconhecidos atiraram com armas automáticas no carro de dois funcionários do "Al-Sabah" ("A Manhã"), o jornal oficial do Governo de Bagdá, matando os dois.Vários outros ataques a patrulhas policiais e militares americanos e iraquianos no leste de Bagdá deixaram um morto e pelo menos 11 feridos. O comando militar do Exército dos Estados Unidos não ofereceu, até o momento, nenhuma informação sobre os incidentes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.