Atentado suicida mata quatro policiais no Iraque

Pelo menos seis pessoas ficaram feridas na cidade de Peshawar

Efe,

28 de abril de 2010 | 02h42

ISLAMABAD - Pelo menos quatro policiais morreram e seis pessoas ficaram feridas durante atentado suicida registrado nesta quarta-feira, 28, na cidade paquistanesa de Peshawar. O atentado aconteceu na parte da manhã, em um bairro nas redondezas da cidade, capital provincial de Khyber-Pakhtunkwa, quando os terroristas bateram o carro contra um posto policia, segundo o canal Geo TV e o comissário de Polícia do distrito, Liaquat Alí.

Mortos e os feridos foram levados a um hospital próximo, segundo a confirmação fontes do centro sanitário que passaram as informações à mídia do Paquistão.

De acordo com Alí, os terroristas tentaram passar pelo posto de controle para entrar na cidade, após considerar que o ataque foi frustrado e que poderia ter sido pior.

O posto de controle foi completamente destruído pela explosão, que também causou danos em edifícios próximos.

A polícia cercou a zona e os serviços de resgate continuam trabalho no ponto do ataque, explicou Alí, que também não descartou um aumento do número de vítimas mortais.

Peshawar, que está próximo às áreas tribais de conflito, na fronteira com o Afeganistão, é cenário frequente de atentados suicidas. As táticas empregadas pelos fundamentalistas é um desafio a seu Governo e as tropas paquistanesas.

De acordo com o Instituto de Estudos de Paz do Paquistão, em 2009, a violência no Paquistão causou a morte de mais de 12 mil pessoas, uma quarta parte delas faleceram em atentados terrorista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.