Atentados a bomba deixam pelo menos sete mortos em Jerusalém

Pelo menos sete pessoas morreram e outras vinte ficaram feridas, quatro delas em estado grave, em dois atentados suicidas ocorridos no início deste domingo em Jerusalém. O primeiro ato terrorista aconteceu no bairro de French Hill, na parte oriental da cidade, anexada por Israel. O homem-bomba detonou os explosivos que trazia atados a seu corpo em um ônibus, deixando a parte da frente do veículo totalmente destruída. O homem havia entrado no ônibus disfarçado de religioso judeu e usava na cabeça um solidéu.Meia hora depois, um segundo homem-bomba explodiu ao norte de French Hill, bem próximo do local do primeiro. Segundo informações da polícia israelense, apenas o terrorista morreu neste segundo atentado. A polícia acredita que as bombas foram detonadas antes do previsto, por conta da grande movimentação policial nas proximidades, naquele momento.Fontes da polícia israelense afirmaram não ter encontrado nenhum indício de que os dois terroristas tenham atuado em conjunto. Até o momento, suas identidades não foram divulgadas e nenhum grupo reivindicou a autoria dos ataques.Estes são os primeiros atentados realizados em Jerusalém desde novembro de 2002, e ocorreram um dia depois da reunião entre o primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, e o negociador palestino Mahmud Abbas. Em conseqüência dos atentados, Ariel Sharon decidiu cancelar a viagem que deveria fazer na próxima terça-feira a Washington, onde iria se reunir com o presidente norte-americano George W. Bush.O ministro da Informação palestino, Nabil Amr, condenou o duplo atentando deste domingo e fez um apelo para que Israel dê mostras de ?moderação? diante dos fatos ocorridos.Depois dos atentados, o Exército de Israel impôs toque de recolher na cidade palestina de Ramalah, na Cisjordânia. Em um outro incidente, o jovem palestino Ali Abu Namus, 18, acabou assassinado por soldados israelenses na localidade de Khan Yunis, no sul da faixa de Gaza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.