Atentados em Bagdá deixam ao menos 15 mortos

Pelo menos 15 pessoas morreram nesta quinta-feira em dois atentados com carros-bomba em Bagdá, e um oficial da polícia foi assassinado a tiros no sul da capital, informaram fontes policiais. O atentado mais sangrento aconteceu no bairro xiita al-Huria, no noroeste de Bagdá. Um carro-bomba explodiu ao ser jogado contra uma patrulha da polícia, causando a morte de nove pessoas, ferindo outras 26, disseram as fontes. Entre as vítimas há vários policiais. Outras duas pessoas morreram num atentado semelhante, perto do Departamento de Passaporte, no leste da capital. No sul da cidade, um oficial de polícia foi morto a tiros por um grupo depistoleiros. Vários membros do Exército Mehdi, milícia leal ao líder xiita Moqtada al-Sadr, enfrentaram soldados americanos na cidade de Diwaniya, 150 quilômetros ao sul de Bagdá, segundo as mesmas fontes,que não informaram se houve vítimas no confronto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.