Atentados matam 45 e deixam 159 feridos

Uma série de atentados no Iraque deixou ontem 45 mortos e 159 feridos, na véspera do primeiro aniversário da saída definitiva das tropas americanas do país. No último ano o Iraque enfrentou uma crise política entre os vários partidos e com a região autônoma do Curdistão e sofreu uma retomada da violência com frequentes atentados contra alvos xiitas e das forças de segurança. A província mais afetada ontem foi Salahadin, ao norte de Bagdá, onde 12 pessoas morreram e 52 ficaram feridas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.