Atentados matam pelo menos 22 no Iraque

Ataques aconteceram na cidade de Karbala e na capital do país, Bagdá

Efe

25 de agosto de 2010 | 04h54

BAGDÁ - Pelo menos 22 pessoas morreram e outras 72 ficaram feridas nesta quarta-feira em Bagdá em uma série de atentados três atentados em Bagdá e na cidade de Karbala, a 100 quilômetros da capital, segundo fontes da polícia iraquiana.

As fontes disseram que 15 pessoas morreram e 58 sofreram ferimentos pela explosão de um carro-bomba que um suicida jogou contra uma delegacia no nordeste da capital iraquiana, causando também graves danos materiais.

Em outro atentado com carro-bomba a uma delegacia, mas em Karbala, seis pessoas morreram e quatro ficaram feridas, incluindo dois policiais.

Além disso, um oficial da Polícia iraquiana morreu e outros dois agentes ficaram feridos em um ataque realizado por um grupo de homens armados contra um posto de controle policial no sudoeste de Bagdá.

Outros cinco civis ficaram feridos ao pela explosão de uma bomba em um bairro central da capital.

Outra explosão, também na região central de Bagdá, causou ferimentos a três civis.

A fonte disse ainda que dois terroristas morreram pela explosão de um veículo carregado de explosivos que estava sendo estacionado em uma rua do centro de Ramadi, capital da província ocidental de Al-Anbar.

Texto atualizado às 05h18

Tudo o que sabemos sobre:
Iraque, atentado, ataque, polícia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.