Atentados no Iraque matam pelo menos 60

Bombas explodiram neste domingo em Bagdá e na cidade setentrional de Kirkuk, matando pelo menos 60 pessoas, informam as autoridades, numa escalada das tensões no momento em que o primeiro-ministro viaja para os Estados Unidos para manter conversações e buscar uma forma de evitar que o país mergulhe numa guerra civil.As explosões deste domingo ocorrem enquanto as forças iraquianas e americanas montam uma grande operação de repressão contra a milícia xiita mais temida do país, o Exército Mahdi, acusado pela comunidade sunita de responsabilidade por muitos dos seqüestros e assassinatos que ameaçam dividir o Iraque. A explosão em Bagdá ocorreu quando um motorista suicida detonou uma minivan no bairro de Cidade Sadr, área de Bagdá dominada pelo Exército Mahdi. O atentado atingiu a entrada do mercado Jameelah, repleta de compradores e vendedores no primeiro dia útil da semana iraquiana.Uma nota do Exército iraquiano afirma que 34 pessoas morreram e 73 ficaram feridas. Oito mortes ocorreram mais tarde, quando uma segunda bomba explodiu, duas horas depois, num prédio público municipal de Cidade Sadr.Em Kirkuk, um carro-bomba explodiu ao meio-dia nas proximidades de um tribunal, no distrito mercantil da cidade, matando 17 pessoas e ferindo outras 30, de acordo com o general de polícia Sarhat Qadir. Foi o quarto ataque com carro-bomba em Kirkuk no mês, onde as tensões se intensificam entre as comunidades árabe, curda e turcomana pelo controle da vasta riqueza petrolífera da região. A onda de atentados, assassinatos e matanças entre grupos étnicos mergulhou o novo governo iraquiano de unidade nacional em uma crise profunda, apenas dois meses depois de o premier Nouri al-Maliki ter chegado ao poder prometendo a reconciliação nacional e a criação de condições para a retirada das tropas americanas. Al-Maliki e uma grande delegação partiram para Washington neste domingo, onde se reunirá, na terça-feira, com o presidente George W. Bush.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.