Atirador abre fogo em escola na Finlândia

Um homem armado abriu fogo contra estudantes em uma escola para adultos no oeste da Finlândia. Segundo a polícia, havia vários feridos. A agência de notícias STT afirmou que havia nove mortos, atribuindo essa informação à polícia. O número de vítimas ainda não havia sido confirmado oficialmente. A polícia informou ainda que o autor do ataque atirou em si mesmo, sendo em seguida dominado e desarmado pelos policiais. Não havia informações sobre o estado de saúde do agressor.A imprensa local informou que os tiros começaram de manhã (horário local). Havia cerca de 200 estudantes na escola de Kauhajoki, 300 quilômetros a noroeste de Helsinque. "O incidente está encerrado agora", disse o chefe da polícia local, Jussi Muotio. "Nós não sabemos se ele matou alguém, mas tememos que várias pessoas tenham sido feridas." "Em um curto período de tempo eu ouvi várias dezenas de tiros. Em outras palavras, foi uma pistola automática", disse o zelador da escola Jukka Forsberg à emissora YLE. A agência local STT afirmou que o prédio estava em chamas, e que o autor do ataque também teria explosivos.Segundo a imprensa local, vídeos do site You Tube com um homem disparando uma arma pareciam ter relação com o ataque. Um desses vídeos foi colocado no site cinco dias atrás, e a localidade informada era Kauhajoki. No ano passado, Pekka-Eric Auvinen, de 18 anos, abriu fogo em sua escola no sul da Finlândia, em 9 de novembro. Ele matou seis estudantes, uma enfermeira e o diretor do colégio, antes de se suicidar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.