Atirador de Oakland é indiciado por homicídio

O atirador que matou sete pessoas e feriu três em uma faculdade de Oakland, na Califórnia, foi indiciado ontem por homicídio e tentativa de homicídio. Segundo a polícia, One Goh, de 43 anos, planejou o ataque em razão de ter sofrido bullying dos colegas, que zombavam de seu forte sotaque coreano ao falar inglês. Ele fora expulso da faculdade por comportamento inadequado. Foi o pior massacre nos EUA desde 2007.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.