Atirador de Washington era jovem de 17 anos

O jovem Lee Malvo, de 17 anos, e não o veterano da Guerra do Golfo John Muhammad, de 42, foi quem apertou o gatilho que matou 10 pessoas e feriu outras 3, durante uma série de assassinatos aleatórios na região de Washington. Pelo menos é esta a conclusão da análise das provas, que só apontam para Malvo. Isso complica a situação dos promotores, que pretendem pedir a pena de morte para Muhammad.

Agencia Estado,

22 Dezembro 2002 | 20h41

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.