Atirador do Colorado enviou desenhos a psiquiatra

O estudante de neurociência suspeito de fazer vários disparos no interior de um cinema, no Colorado, na semana passada, enviou um caderno com desenhos do massacre a um psiquiatra da Universidade do Colorado, mas a correspondência só foi aberta após o ataque, informou um policial.

AE, Agência Estado

25 de julho de 2012 | 19h37

James Holmes, estudante de 24 anos da universidade, é suspeito de ter realizado disparos que mataram 12 pessoas e deixaram 58 feridas durante a sessão da meia-noite do filme "Batman - O Cavaleiro das Trevas Ressurge", em Aurora, Colorado.

Holmes compareceu a um tribunal do Colorado na segunda-feira, com o cabelo pintado de laranja e com uma expressão confusa. Ele deve ser formalmente indiciado numa audiência marcada para 30 de julho e a promotoria pretende pedir a pena de morte para ele.

Após o ataque de sexta-feira, autoridades descobriram a correspondência lacrada na sala de correspondências da Universidade do Colorado. Ela havia sido enviada por Holmes a um psiquiatra, segundo a fonte, que disse que os desenhos parecem representar o plano de ataque de Holmes.

A rede Fox News relatou a existência do caderno de desenhos na manhã desta quarta-feira. Não foi possível dizer quando a correspondência foi enviada, para quem foi endereçada e por que não foi entregue.

O tribunal emitiu uma ordem que limita a divulgação de informações por agências de implementação da lei. Professores da Universidade do Colorado não retornaram os pedidos de entrevista e o escritório da promotoria pública do Colorado negou-se a comenta o caso. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAatiradorDenverdesenhos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.