Atirador dos EUA tem credencial de acesso à Marinha

O suposto responsável por atirar contra a base naval de Washington possuía uma credencial para entrar no local concedido por seu empregador. Aaron Alexis, de 34 anos, reservista e prestador de serviços da Marinha foi contratado para trabalhar em um projeto em julho deste ano, afirmou o presidente da The Experts, Thomas Hoshko.

AE, Agência Estado

17 de setembro de 2013 | 00h42

Em coletiva de empresa, foi confirmado que Alexis, que trabalhava para a Hewlett-Packard como terceirizado da companhia The Experts, na intranet da Marinha, tinha a credencial para entrar em um dos endereços mais seguros de Washington.

Anteriormente, Alexis trabalhou em um base dos Estados Unidos no Japão no mesmo tipo de atividade. Entre setembro de 2012 e janeiro de 2013 não causou nenhum incidente. Recentemente, ele passou por uma revisão da sua credencial de segurança secreta. O número de mortos com o incidente subiu para 13. Oito pessoas ficaram feridas. Fonte: Dow Jones Newswires

Mais conteúdo sobre:
euaatiradorwashingtoncredencial

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.