Atirador planejou ação em Nova York

Jeffrey Johnson, o homem que matou um ex-colega em frente ao Empire State na sexta-feira e desencadeou uma ação policial que deixou nove feridos em Nova York, planejou o crime. Detetives acharam em sua casa livros sobre tiro e munição do calibre que ele usou. A polícia busca no computador de Johnson pistas sobre a motivação do crime.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.