Atirador que matou 2 e feriu sete na Finlândia é preso

Um homem de 18 anos matou duas pessoas e feriu sete ao atirar de um telhado ao sul da Finlândia. A polícia prendeu o suspeito perto de Hyvinkaa, cerca de cinco horas depois que ele disparou diversas vezes de um telhado em pessoas que estavam do lado de fora de um restaurante antes das 2 horas da manhã, no horário local, disse o inspetor de polícia Markku Tuominen.

AE, Agência Estado

26 Maio 2012 | 09h40

O suspeito, habitante local de Hyvinkaa, cerca de 50 quilômetros ao norte da capital Helsinque, não resistiu à prisão. "O homem foi encontrado com duas armas, incluindo um rifle de caça", disse Tuominen. O atirador matou uma mulher e um homem, ambos de 18 anos, e feriu gravemente uma oficial de polícia, que havia se aproximado da cena do crime.

Ações semelhantes de disparos de armas de fogo não são incomuns na Finlândia, onde há 650 mil proprietários de armas oficialmente reconhecidos, em uma população de 5,4 milhões de pessoas com forte tradição de caça. Nos anos recentes, a Finlândia foi cenário de duas ocorrências semelhantes em escolas. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
atiradorFinlândiamortes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.