Atirados do líbano, dois foguetes atingem o norte de Israel

Este é o primeiro ataque desde a guerra contra o Hezbollah no Líbano, em 2006

Agencia Estado

18 Junho 2007 | 09h48

Dois foguetes Katyusha atirados do território libanês atingiram o norte de Israel neste domingo, 17, informaram fontes policiais. Não há informações de feridos, embora o ataque tenha feito algum estrago. Este é o primeiro ataque do Líbano desde a guerra de Israel contra o Hezbollah, em 2006, quando cerca de 4 mil foguetes foram lançados contra o território israelense. Um dos foguetes acertou um carro na cidade de Kiryat Shemona, um dos povoados mais afetados durante o conflito de 2006. Um especialista de uma TV local acredita que um braço de um grupo palestino pode estar por trás dos ataques. Uma fábrica também foi atingida, sem deixar nenhum ferido. O prefeito da cidade, Haim Barbivai, pediu que os governos libanês e israelense se responsabilizem pelo ataque. "Que os céus nos ajudem se houver um novo0 conflito como o do verão passado. Seria um tragédia." Em julho de 2006, a captura de dois soldados israelenses pelo Hezbollah provocou um mês de ataques israelenses, que provocaram mortes em larga escala e destruição, mas não conseguiram assegurar a libertação dos soldados ou a derrota do Hezbollah. Após o conflito, que durou 34 dias, o Hezbollah diz ter conseguido uma "vitória divina". Logo em seguida, o Líbano começou a tarefa de reconstrução física, mas ainda está atormentado por suas antigas divisões.

Mais conteúdo sobre:
Hezbollah Líbano Israel foguetes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.