Ativista antiglobalização José Bové é preso

O militante francês antiglobalização, José Bové, foi preso na madrugada deste domingo, em sua fazenda, acusado de destruir duas plantações de alimentos transgênicos. Bové cumprirá as duas sentenças, um total de 10 meses, na prisão de Villeneuve-les-Maguelone, no sul da França. Em 2002, o ativista francês ficou preso seis meses por saquear uma loja da rede norte-americana McDonald?s.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.