Ativistas protestam na Praça Vermelha contra Putin

Autoridades da Rússia permitiram que centenas de ativistas da oposição se reunissem na Praça Vermelha, mas depois prenderam uma proeminente líder da oposição quando ela tentou montar uma barraca no local.

AE-AP, Agência Estado

08 de abril de 2012 | 13h47

Oposicionistas usando fitas brancas, símbolo do protesto pacífico contra o governo de Vladimir Putin, caminharam pela praça neste domingo sob o olhar atento da polícia. Porém Yevgeniya Chirikova, líder do grupo Khimki Forest, foi detida rapidamente com outros ativistas quando ela tentou colocar uma barraca na praça.

Putin enfrentou protestos sem precedentes, feitos por dezenas de milhares de pessoas, nos meses antes da eleição presidencial, em março. Desde a vitória dele, os protestos nas ruas diminuíram. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
manifestoPraça VermelhaPutin

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.