Aumenta consumo de drogas entre jovens europeus

O consumo de cocaína e ecstasy em combinação com outras drogas aumentou na Europa, informou hoje a agência antidrogas da União Européia. Segundo a última pesquisa anual sobre o consumo de drogas no bloco de 15 nações, a agência descobriu que as novas políticas dos governos europeus começaram a fazer efeito, já que o consumo de drogas pesadas, como a heroína, caiu, embora o uso de drogas consideradas mais leves continue crescendo. Segundo Georges Estlevenart, diretor do Centro Europeu de Vigilância para as Drogas e a Dependência, com sede em Lisboa, "o consumo de drogas está crescendo rapidamente e afeta especialmente os jovens". Sem fornecer cifras, o informe indica que em várias importantes cidades européias - entre elas Barcelona, Frankfurt, Amsterdã e Milão - aumentou o consumo de cocaína como droga recreativa, em ?clubs?. O documento acrescenta que a cocaína em pó é misturada com outras substâncias, como o álcool, as anfetaminas e o ecstasy. "Os jovens socialmente integrados, que optam pelo consumo de drogas recreativas, usam a cocaína em ambientes da vida noturna em combinação com o álcool", afirma o estudo, ao indicar que muitos novos usuários abandonaram drogas sintéticas como o ecstasy e optaram pela cocaína, já que esta última apresenta menos efeitos colaterais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.