Aumenta número de novos casos de aids nos EUA

O número de novos casos diagnosticados de aids cresceu nos Estados Unidos em 2002 pela primeira vez em uma década, segundo dados divulgados pelo Centro de Controle de Doenças (CDC) de Atlanta, durante a Conferência Nacional para a Prevenção do HIV. Ao todo, o aumento foi de 2,2% no ano passado, com 42.136 novos casos. De acordo com o estudo, pelo terceiro ano consecutivo, aumentou o número de homossexuais e bissexuais americanos infectados pelo HIV, alimentando os temores de recrudescimento da epidemia nesses segmentos.Entre 850 mil e 950 mil americanos são portadores do vírus da aids nos Estados Unidos, doença que matou 16.371 pessoas no país no ano passado, 6% menos que em 2001. O diagnóstico de HIV entre homens homossexuais e bissexuais aumentou 7,1% no ano passado em 25 Estados americanos. Nesse segmento da população, os casos aumentaram 18% desde 1999, permanecendo estáveis em outros grupos de alto risco.O CDC adverte, porém, que o aumento pode ter sido provocado também pelo fato de mais homossexuais e bissexuais estarem sendo submetidos a testes, e não por um crescimento na taxa de infecção.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.