Ausência de Obama decepciona Cristina

O governo da presidente Cristina Kirchner está desconcertado pela decisão do presidente dos EUA, Barack Obama, de visitar o Brasil e o Chile e não fazer uma escala em Buenos Aires. Desta forma, Obama segue os passos de George W. Bush de ignorar a Argentina e optar por visitas ao Brasil - considerado por Washington o país líder na região - e ao Chile, nação com a qual os EUA mantêm um vínculo permanente.

, O Estado de S.Paulo

28 de janeiro de 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.