Austrália anuncia US$ 288 mi para afetados pela seca

Segundo o primeiro-ministro, maior parcela dos recursos será destinada para empréstimos aos produtores

O Estado de S. Paulo

26 de fevereiro de 2014 | 10h45

O governo australiano anunciou um pacote de 320 milhões de dólares australianos (US$ 288 milhões) de apoio a produtores afetados pela seca. Segundo o primeiro ministro Tony Abbott a maior parcela dos recursos será destinada para empréstimos aos produtores, enquanto o restante deverá ser alocado em infraestrutura emergencial de abastecimento de água, controle de pragas e atendimento social e psicológico a produtores afetados pela seca.

Segundo o Bureau de Agricultura, Pesquisa Econômica e Ciência da Austrália, ligado ao departamento de agricultura do país, a safra de verão terá quebra de 25%, para 4 milhões de toneladas em 2013/14, com perdas mais significativas em Queensland e no norte de New South Wales. Enquanto isso, pecuaristas estão reduzindo seus rebanhos com a queda dos preços de 500 dólares australianos para 200 dólares australianos por cabeça.

Durante forte seca que atingiu a Austrália entre 2001 e 2009, o governo gastou 4,5 bilhões de dólares para socorrer o setor. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
Austráliasecaajuda

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.