AP
AP

Austrália encerra buscas por sobreviventes de naufrágio

Cem pessoas superlotavam pesqueiro de madeira e saíram da Indonésia

AE, Agência Estado

31 de agosto de 2012 | 13h34

SIDNEY - Equipes de resgate australianas encerraram nesta sexta-feira, 31, as buscas pelas 100 pessoas que estavam em um barco que afundou perto da Indonésia. As vítimas superlotavam um pesqueiro de madeira e tentavam chegar até a Austrália para pedir asilo.

Veja também:

link Sobrevivente de naufrágio ficou quatro dias na água sem colete ou bote

A Autoridade de Segurança Marítima Australiana afirmou em comunicado que "não há chances realistas de sobrevivência" para os que ainda estão desaparecidos, dois dias depois do naufrágio. Até a tarde de sexta-feira (horário local), 55 foram retirados do oceano e um corpo foi encontrado. Autoridades da Indonésia disseram que planejam continuar procurando, apesar de ondas enormes prejudicarem os esforços.

Também nesta sexta, a polícia indonésia informou o resgate 43 pessoas que estavam dentro de um barco à deriva faz nove dias. Elas saíram do Sri Lanka para tentar buscar asilo na Austrália, mas o motor da embarcação quebrou no caminho. Foram encontradas desidratadas e famintas, pois a comida e água haviam acabado.

Com AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.