Austrália pode ser atingida por nova tempestade

O Estado australiano de Queensland, cujo extremo nordeste foi devastado na segunda-feira pelo ciclone Larry, se prepara para a chegada de Wati, tempestade de categoria três em uma escala que vai de um a cinco. Mas os meteorologistas acham que Wati não chegará à região continental. As previsões indicam que o novo fenômeno deve se aproximar nos próximos dias das localidades turísticas de Gold e Sunshine Coast, segundo um comunicado emitido nesta quinta-feira pelo Centro de Alerta de Ciclones Tropicais. A fonte disse que Wati está a cerca de 750 quilômetros ao nordeste da ilha de Fraser, e que hoje permanecerá no mesmo local. Nos próximos dias, no entanto, deve se aproximar ainda mais do litoral, com ventos e ondas de magnitude consideráveis. Larry Os serviços de emergência de Queensland, no nordeste da Austrália, continuam os trabalhos de saneamento das áreas mais afetadas pelo ciclone Larry. Apesar de o governo ter anunciado na quarta-feira ajudas milionárias aos desabrigados, existe um sentimento crescente de frustração no Estado pela dificuldade de se obter assistência imediata, segundo informou a rádio "ABC". Dezessete aviões do Exército e 400 soldados foram deslocados à região onde Larry deixou milhares de desabrigados e destruiu plantações de banana e frutas tropicais, fundamentais para a economia do Estado.

Agencia Estado,

23 Março 2006 | 02h23

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.