Austrália se aproxima de acordo comercial com o Japão

A Austrália está perto de um acordo de livre comércio com o Japão, afirmou o ministro do Comércio australiano, Andrew Robb. Segundo o ministro, o acordo reduzirá a resistência do governo japonês aos esforços liderados pelos EUA para diminuir as barreiras tarifárias na região Ásia-Pacífico.

AE, Agência Estado

19 de março de 2014 | 15h01

Em entrevista ao Wall Street Journal antes de uma visita a Japão, China e Hong Kong que começará na próxima semana, Robb disse que a Austrália espera se tornar nos próximos meses a primeira grande nação agrícola do mundo a fazer um acordo de livre comércio com o Japão.

Os EUA estão liderando negociações para estabelecer a Parceria Transpacífico, conhecida como TPP, destinada a reduzir tarifas, abrir os mercados e ditar regras sobre direitos autorais e sobre o envolvimento dos governos no setor privado. A TPP, que englobaria 12 países que respondem por 40% da produção econômica mundial, está emperrada por causa de divergências entre os EUA e o Japão com relação a tarifas, principalmente nos setores agrícola e automotivo.

"Nosso acordo poderá levar à aceitação de alguns ajustes - não grande, não revolucionário, mas algum ajuste", disse Robb. "Um bom acordo conosco vai demonstrar para a comunidade japonesa que o sol ainda nasce de manhã. Que eles podem chegar a um acordo e que ambos podemos nos beneficiar. Isso vai ajudar a TPP", acrescentou o ministro. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Austráliajapãocomércioacordo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.