Austrália vai reduzir tropas no Timor Leste ainda este mês

O ministro da Defesa da Austrália, Brendan Nelson, anunciou nesta sexta-feira que o seu país reduzirá ainda este mês o número de soldados no Timor Leste. Nelson afirmou que 120 dos 900 soldados que a Austrália enviou para ajudar a restabelecer a ordem no Timor voltarão para casa na segunda semana de dezembro. Um grupo de agentes da Polícia australiana também será substituído por timorenses. O pessoal australiano que ficar no Timor, explicou Nelson, vai apoiar as operações de segurança da Polícia da ONU em Díli, a capital do país.Uma onda de violência, entre abril e maio, causou a morte de cerca de 30 pessoas em Díli, onde cerca de 15 mil abandonaram suas casas. A crise provocou o posicionamento de tropas australianas, portuguesas, malaias e zelandesas, além da criação da Missão Integrada no Timor Leste, sob a direção das Nações Unidas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.