Áustria: Partidos da base aliada perdem apoio

Viena, 29/09/2013 - Os dois partidos aliados do governo austríaco parecem ter perdido apoio nas eleições parlamentares realizadas hoje, mas ainda assim mantiveram a maioria necessária para se manter no poder pelos próximos cinco anos. Com mais de 60% dos votos apurados, o Partido Socialista tinha 26,5%, enquanto o aliado Partido Popular, de centro, contava com 23,7% das preferências. Isso representa uma perda de mais de 2 pontos porcentuais para cada um. A apuração deve ser concluída ainda hoje.

Agência Estado

29 Setembro 2013 | 15h33

Entretanto, o Partido da Liberdade, de direita, obteve 22% dos votos, um avanço de cerca de 4 pontos porcentuais, depois de uma forte campanha anti-imigração e de um posicionamento cético quanto à União Europeia (UE). "O Partido Verde registrou pequena melhora em relação à eleição passada, há cinco anos, com 11,5% dos votos.

Obtiveram também os 4% necessários para ingressar no parlamento o liberal Neos, com 4,6% dos votos, e o populista "Team Stronach", do bilionárioFrank Stronach, com 5,9%.

O resultado parcial indica um desgaste do apoio aos partidos da situação, o Partido Socialista e o Partido Popular, e de sua postura pró-União Europeia, particularmente no contexto de avanço do Partido da Liberdade e da relativa adesão ao "Team Stronach" já em sua primeira participação em uma eleição federal.

Muitos austríacos são contrários ao apoio do governo à Grécia e a outros países com problemas fiscais na zona do euro. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
ÁustriaEleições

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.