Jeenah Moon Reuters
Jeenah Moon Reuters

Automóvel avança sobre pedestres e deixa um morto e seis feridos em Nova York

De acordo com a polícia, motorista de 70 anos confundiu freio com acelerador; prefeito lamentou incidente e prometeu investigação

O Estado de S.Paulo

27 Novembro 2018 | 03h20

NOVA YORK - Uma pessoa morreu e outras seis ficaram feridas depois que um motorista perdeu o controle de seu veículo e atingiu um grupo de pedestres em Nova York, nos Estados Unidos, nesta segunda-feira, 26. A vítima fatal era homem e tinha entre 45 e 55 anos. Duas pessoas foram hospitalizadas em estado grave.

O acidente aconteceu na região de Chinatown, em Manhattan, por volta das 19 horas no horário local (23h em Brasília). De acordo com a polícia, o motorista, de 70 anos, tentava estacionar seu carro quando errou ao tentar acionar os freios e pisou no acelerador. O veículo avançou sobre a calçada e atingiu duas bancas de fruta e os pedestres que estavam no local.  

Jin Lin, de 32 anos, relatou que estava a três metros do local quando o acidente aconteceu. De acordo com ela, os pedestres ficaram presos entre o veículo e um muro. “O carro apareceu de repente e bateu na parede para trás. Eu fiquei chocada", conta.

O motorista e o passageiro que o acompanhava no veículo ficaram feridos, mas negaram atendimento médico. O homem, não identificado, permaneceu no local e foi detido por não dar a assistência devida para as vítimas.

Blasio promete investigação

Pelo Twitter, o prefeito de Nova York, Bill de Blasio, lamentou o acidente e disse que o caso será investigado pela polícia.

“Terrível acidente de carro matou um pedestre e feriu outros seis. Uma investigação completa pelo departamento de polícia está em andamento. Nós não podemos aceitar a perda de vidas em nossas ruas como algo inevitável”, afirmou. \ COM AGÊNCIAS INTERNACIONAIS.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.