Autópsia de Hoffman é inconclusiva e exige novos testes

Médicos legistas afirmaram nesta quarta-feira que a autópsia do corpo de Philip Seymour Hoffman é inconclusiva e que novos testes serão necessários para determinar a causa da morte do ator.

AE, Agência Estado

06 de fevereiro de 2014 | 02h09

A porta-voz dos médicos legistas afirmou que não há data para a nova autópsia ser concluída. A suspeita da polícia é que o ator tenha morrido por uma overdose de drogas.

De acordo com os policiais, o corpo de Hoffman foi encontrado com uma agulha no braço e testes encontraram heroína em amostras de pelo menos 50 pacotes em seu apartamento em Manhattan. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
euahoffmanatorautópsia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.