Autor de ataques deve ser 'insano', diz advogado de defesa

Geir Lippestad afirmou que Breivik ficou surpreso por não ter sido detido mais cedo

estadão.com.br com Reuters

26 de julho de 2011 | 08h39

OSLO - O norueguês Anders Behring Breivik é ao que tudo indica "insano", disse nesta terça-feira, 26, seu advogado de defesa após o radical anti-islã admitir ser o responsável pela bomba e o tiroteio que mataram 76 pessoas na Noruega na última sexta-feira.

 

 

Veja também:

linkBreivik pode ser acusado por crimes contra humanidade

linkInício do conteúdo ''Não devemos ceder à paranoia'', diz educador

linkExtremista aponta 'malefícios' da miscigenação no Brasil

linkAtirador estava na lista de serviço secreto

mais imagens GALERIA: A 'Marcha das Rosas' de Oslo

blog GUTERMAN: É isso aí a direita?

video VÍDEO: Os danos após a explosão em Oslo

blog ARQUIVO: Relembre ataques na Europa

 

 

"Este caso todo indica que ele é insano", disse Geir Lippestad em uma coletiva de imprensa. Ele acrescentou que é muito cedo para saber se seu cliente irá alegar insanidade.

 

 

Lippestad acrescentou que Breivik diz ser parte de uma rede anti-islã que tem dois grupos na Noruega e diversos outros no exterior. A polícia norueguesa e investigadores ainda tem dúvida da veracidade dessas informações. "Ele fala sobre duas células na Noruega, mas em diversas espalhadas no exterior", disse Lippestad.

 

Ainda segundo o advogado o suspeito disse que ficou surpreso de não ter sido detido mais cedo, e que "detesta aqueles que creem na democracia".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.