Autor de atentados na Noruega cogitou outros alvos

Segundo promotor, Anders Breivik também tinha interesse em outros alvos

AE, Agência Estado

30 de julho de 2011 | 10h01

O autor confesso do duplo atentado na Noruega, Anders Behring Breivik, afirmou durante interrogatório que considerou atacar outros alvos no país, informou a polícia norueguesa hoje. Segundo o procurador da polícia Paal-Fredrik Hjort Kraby, Breivik foi interrogado ontem por dez horas e disse que "tinha interesse em outros alvos".

Os atentados do último dia 22, um ataque a bomba na região central de Oslo, capital do país, seguido por uma chacina na ilha de Utoeya, deixaram 77 mortos.

Sem citar fontes, o tabloide norueguês VG publicou que Breivik havia citado o Palácio Real e o escritório do Partido Trabalhista em Oslo como alvos em potencial. Kraby não comentou a reportagem, mas afirmou que ambos os alvos citados são "candidatos naturais a ataques terroristas". As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
NoruegaatentadosautoralvosBreivik

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.